Traição virtual tem perdão? 

A modernização das traições  

Muitas pessoas acreditam que existe alguma diferença entre uma traição virtual e uma traição no mundo real”. Porém as duas devem ser tratadas como uma infidelidade, com o mesmo grau de importância. Geralmente quem pensa dessa maneira imagina que pelo fato de não ter existido nada físico não pode ser então considerado uma traição, mas as traições vão muito além de relações físicas.

O que é traição virtual?

Esse novo tipo de traição tem se popularizado bastante com a chegada das redes sociais. Com tanta oferta, às vezes sem existir nenhuma procura, fica difícil para alguns resistir a tentação. A traição pode ser caracterizada como qualquer comportamento que vá de encontro com o que foi previamente acordado por aquele casal.

Com esse pensamento, a traição virtual pode se configurar como uma simples troca de mensagens carinhosas com alguém, envio de declarações românticas, troca de mensagens eróticas, envio de fotos e vídeos íntimos para um velho da lancha em troca de dinheiro, etc.

Traições virtuais e traições no mundo real

O fato é que as traição tanto virtuais quanto as traições que as pessoas geralmente conhecem, devem ser tratadas da mesma forma, visto que de uma forma ou de outra, ambas foram um desrespeito à relação e causaram uma quebra de confiança.

Portanto, se você foi traído não pense na traição virtual como algo à parte, como se fosse um pecado menor, um deslize mais leve. Reflita antes de tomar sua decisão, levante seus prós e contras sobre o seu relacionamento, para saber qual a melhor alternativa para escolher nesse momento: perdoar o(a) parceiro(a) ou pôr um ponto final nessa relação.

É importante que ao escolher perdoar o ocorrido, o casal tente recomeçar aquele relacionamento do 0, reconquistando aos poucos a confiança que fora jogada fora e mantenha no passado esses erros, pois de nada adianta perdoar a traição e a todo momento ficar jogando na cara da pessoa o caso. 



Comentários