Dom Atacadista comemora aniversário e anuncia expansão no estado do Rio de Janeiro

Dom Atacadista comemora aniversário e anuncia expansão no estado do Rio de Janeiro

Rede aproveita bom momento do setor de atacarejo

Em 2 de setembro começa a campanha de aniversário do Dom Atacadista, rede de atacarejo com 10 lojas distribuídas no estado do Rio de Janeiro. Para selar este momento especial, Bruno Gonçalves Diretor de Marketing da rede reforça que foram feitas negociações especiais com fornecedores para que os clientes tenham descontos especiais em todo o mix de 10 mil itens de mercearia, perecíveis, embalagens, bazar, higiene, bebidas e limpeza, entre outros, uma robusta operação de autosserviço (cash and carry). A ação promocional se estende até meados de outubro.

Em um ambiente de inflação e queda de renda, o atacarejo ganhou espaço entre os brasileiros. A busca incessante pelos preços mais baixos garantiu uma alta de 10% ao formato no ano passado, diante de uma queda de 2,4% do varejo alimentar como um todo, segundo estudo da McKinsey.  Com isso, em um ano, a fatia do atacarejo no varejo de alimentos saltou de 35% para 40%. Hoje, são mais de 2.000 lojas desse perfil pelo país.

Com este cenário positivo e, em  plena expansão, o Dom Atacadista aproveita a ocasião para anunciar a inauguração de mais três unidades no Rio de Janeiro até o final do ano: Angra dos Reis (segunda loja), São Pedro da Aldeia e Campo Grande, região metropolitana.

Com essas novas unidades, o Dom Atacadista quer chegar mais perto da liderança do segmento regional por meio da excelência operacional e do relacionamento com colaboradores, parceiros, clientes e sociedade.

A campanha de aniversário do Dom pretende oferecer uma excelente experiência de compra para revendedores, transformadores, associações e consumidores finais que irão adquirir uma variedade de produtos de grandes marcas com preços promocionais.

Atualmente, as lojas do Dom Atacadista se localizam em Realengo, Taquara, Angra dos Reis, São João de Meriti, Inhaúma, Niterói, Teresópolis, Duque de Caxias, Macaé e Araruama.


Comentários