O goleiro Bruno pode estar próximo de voltar para a prisão após determinação da Justiça. Condenado pela morte da modelo Eliza Samudio, mãe do seu filho, o goleiro está em regime semiaberto desde julho de 2019. Dessa vez, contudo, o motivo é atraso de pensão.

O goleiro Bruno pode estar próximo de voltar para a prisão após determinação da Justiça. Condenado pela morte da modelo Eliza Samudio, mãe do seu filho, o goleiro está em regime semiaberto desde julho de 2019. Dessa vez, contudo, o motivo é atraso de pensão.


O mandado de prisão do goleiro Bruno partiu da 1ª Vara da Família, da Infância, da Juventude e do Idoso de Cabo Frio. Atualmente, o ex-jogador do Flamengo deve cerca de R$ 90,7 mil de pensão.

O pedido de prisão foi feito em maio pela mãe de Eliza, Sônia Moura, na Justiça do Mato Grosso do Sul. É a avó que detém a guarda de Bruno Samudio, de 12 anos. O pedido de execução da sentença foi deferido no último dia 4 e os atrasos ocorrem desde janeiro de 2020.

Comentários