LAUDO DO IML CONFIRMA MORTE POR ESGANADURA DE MARILZA MARTINS

LAUDO DO IML CONFIRMA MORTE POR ESGANADURA DE MARILZA MARTINS

O laudo do Instituto Médico Legal apontou que Marilza Marins, de 79 anos, encontrada morta no último domingo (13), em Saquarema, foi assassinada.


A idosa desapareceu quando saiu para fazer compras na localidade de Bacaxá na quarta-feira (09).

De acordo com o laudo inicial do IML, Marilza foi morta por asfixia causada por esganadura.

O corpo da idosa foi sepultado na última terça-feira (15).


Comentários